quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Daqui à pouco você também já me esqueceu.


Dora: Tua mãe tinha uma foto de seu pai?
Josué: Tinha.
Dora: Você acha que você consegue lembrar da cara do teu pai pela foto?
Josué: Tem hora que lembro, depois desmancha na minha cabeça.
Dora: Eu também às vezes eu esqueço da cara de meu pai. Não devia ter a merda da fotografia pra gente não lembrar. Podiam deixar a gente esquecer. Saí de casa com 16 anos. Nunca mais vi meu pai... Anos depois... na Rio Branco, eu dei de cara com ele. Eu gelei... Aí tomei coragem e fui lá. "Está me reconhecendo? Lembra-se de mim?" Eu vi na cara dele que ele não me reconheceu. Ele não reconheceu a própria filha. "Oi, menina, vem cá. Como pude esquecer uma mocinha assim jeitosa como você?" Respondi pro safado que eu tinha me enganado de pessoa e me mandei. Soube que ele morreu logo depois. Entendeu?
Josué: Que que eu fiz?
Dora: Daqui à pouco você também já me esqueceu.
Josué: Eu não quero se esquecer de você.
Dora: Não adianta, você vai me esquecer.

§

Central do Brasil

3 comentários:

indivídua disse...

meu deus, que triste! desolador

Prêmio M3 disse...

pra mim o mais brilhante, e o q mais me marcou..
ñ se faz mais filmes como este no brasil...



www.premiom3.com
GANHE R$ 100,00 COM SEU BLOG
PARTICIPE DO" MELHORES DE 2010"

http://www.premiom3.com/2010/09/inscreva-se-ja.html

Digho disse...

Obrigado pelo comentário no “Pedaços de Mim”Muito bom o filme Central do Brasil.Prabéns pelo post Já conferiu o post de hoje? http://digho.blogspot.com